Pudim de chia com spirulina e clorela.

Parte do meu ritual matinal é preparar um pequeno almoço saboroso, natural e saudável.

Bom dia rainhas!

Parte do meu ritual matinal e de grande importância é preparar um pequeno almoço saboroso, natural e saudável.

Acredito que contribui consideravelmente para um bom inicio de dia e com energias positivas.

Deixo-vos, dois exemplos de como eu costumo comer o pudim de chia. A fruta é sempre o elemento principal e que nunca falta mas os extras que adiciono na sua preparação ou finalização, ajuda a enriquecer o valor nutricional de um simples pudim de chia. Neste caso spirulina e clorela.

Nestes dois exemplos, preparei o pudim de chia com bebida de soja, por ser na minha opinião, mais doce que outras bebidas vegetais e ajuda assim a atenuar um pouco do sabor destinto das algas spirulina e chlorella.

Preparo sempre de um dia para o outro para o pudim ficar cremoso e para poupar tempo de manhã. Tiro do frio cerca de 20 minutos antes de comer e depois finalizo com fruta.

Simples, perfeito e bastante nutritivo. 💚😊

A SPIRULINA age como um pré-biótico https://www.tuasaude.com/prebioticos/ que ajuda no crescimento de outras bactérias benéficas para o intestino. Ela também contém clorofila, que ajuda a alcalinizar (otimizar os níveis de pH) os tecidos do corpo.

É  uma alga verde unicelular, rica nos seguintes nutrientes, vitaminas e minerais:

  • Vitamina B1
  • Vitamina B2
  • Vitamina B3
  • Vitamina B6
  • Vitamina C
  • Vitamina E
  • Vitamina K
  • Ferro
  • Sódio
  • Magnésio
  • Potássio
  • Cálcio
  • Clorofila

CLORELLA é também uma alga verde unicelular, rica nos seguintes nutrientes, vitaminas e minerais:

  • Magnésio
  • Zinco
  • Cobre
  • Potássio
  • Cobre
  • Clorofila
  • Cálcio
  • Vitamina B1
  • Vitamina B12
  • Vitamina C
  • Ácido fólico
  • Ácidos graxos ômega-3

Beijinhos rainhas

Creme de cenoura e espinafres com sementes de cânhamo e abóbora.

Uma sopa simples de legumes pode ser elevada nutricionalmente, acrescentando extras no final depois de estar pronta.

Olá rainhas!

 

Já sabem o que vão jantar?

Mesmo que as descidas de temperatura ainda se manifestem de maneira tímida, uma sopa sabe sempre bem. Há grande conforto numa simples tigela de sopa quente para o jantar com uma simples fatia de pão. Não concordam? Eu adoro!

Agora que estou a 100% layoff e com isso mais tempo em casa, eu como uma sopa ao jantar dia sim dia não. Isto para evitar de comer comida mais pesada todos os dias á noite.

Mesmo fazendo exercício físico (e muito) estou inevitavelmente mais “parada”. Por isso as escolhas das comidas que ingerimos, tem que ser as mais acertadas. Para o bem da nossa saúde.

Uma sopa simples de legumes depois de pronta a ser servida, pode ser elevada nutricionalmente acrescentando extras no final, como frutos secos e sementes.

Aqui, acrescentei sementes de cânhamo e sementes de girassol ligeiramente tostadas e acompanhei com uma fatia de pão integral caseiro que fiz durante a semana.

SONY DSC

As sementes de cânhamo contém 21 aminoácidos, 9 dos quais o corpo humano não consegue produzir. O óleo de cânhamo fornece todos os aminoácidos essenciais.

Sementes de cânhamo contém:

  • Alto Teor em Ferro
  • Alto Teor em Proteínas
  • Alto Teor em Fósforo
  • Alto Teor em Magnésio
  • Alto Teor em Potássio
  • Alto Teor em Vitamina A
  • Alto Teor em Ómega 3

Semente de girassol contém:

As sementes de girassol do ponto de vista nutricional, contém cerca de 176kcal/porção (30g) sendo uma boa fonte de gordura mono e polinsaturada, fibras e proteínas, sendo também fornecedoras de vitaminas e minerais em quantidades apreciáveis, como é o caso da vitamina E e vitamina B1 e de manganésio, cobre, magnésio e selénio.

Por exemplo, apenas 30 g de sementes de girassol fornecem quase metade (47%) das doses diárias de vitamina E recomendadas para um adulto.

 

A nossa saúde começa sempre nos nossos pratos😊

#foodisyourmedicine

#saudenoprato

#healthyfoodshare

#comerbemfazbem

#nutrição

Bom jantar

Beijinhos Rainhas